Que bagunça é essa?

file000812632808-(1)

Pense nesse cenário: você acorda cedo pra ir trabalhar. Após o banho, deixa a toalha molhada jogada no banheiro. No café da manhã, repara que a pia está lotada de louça do jantar de ontem. Vai para o quarto se vestir, tirando do armário várias peças de roupas e deixando sobre a cama. E pra que arrumar a cama, já que ao voltar pra casa, ao final do dia, vai desarrumar tudo de novo pra dormir?

Já passou pela sua cabeça que essa essa “bagunça” pode estar roubando um tempo precioso do seu dia, sugando a sua energia, tirando a sua concentração e até te estressando? Afinal, nem todos têm aquela colaboradora para limpar e organizar tudo diariamente e, uma dada hora, será preciso arregaçar as mangas e botar ordem nesse espaço. E tenha certeza de que essa “arrumação” no ambiente físico vai te trazer muito mais serenidade, entusiasmo e alegria.

Mude de atitude e coloque em prática algumas ações para organizar a sua vida doméstica. Observe como a sua qualidade de vida vai melhorar:
– Se bater aquela preguiça de arrumar a casa toda, foque em um cômodo de cada vez . Assim, rapidinho tudo estará no lugar certo. Depois, é só manter a ordem.
– Elimine papéis desnecessários. Muitos deles você nem sabe por que guardou. Os que não podem ser dispensados, opte por arquivá-los em pastas com divisões.
– Doe o que não usa mais: roupas, sapatos, cobertores. Há quem esteja precisando mais do que você. Pratique o desapego.
– Elimine o que está quebrado, rasgado, desbotado. Com certeza você tem outros objetos em bom estado para substituir.
– Se for reaproveitar aquele eletrodoméstico antigo, certifique-se de que ele está em ótimo funcionamento e ainda te atende. Se começar a dar problemas, o melhor mesmo é se desfazer dele. Sai mais barato adquirir um novo do que arcar com as idas e voltas do conserto.
– Não se torne um acumulador. Pratique o exercício de não comprar por impulso. Muitas vezes você não tem onde guardar aquilo que comprou e vai entulhando, perdendo espaço, bagunçando…É um círculo vicioso que deve ser observado e corrigido.
– Abuse de prateleiras para guardar alimentos, produtos de higiene e limpeza, ferramentas. As caixas organizadoras também funcionam muito bem. Você vai achar o que precisa com mais rapidez e facilidade.

kitchen-shelf-1483301-639x423

– Coloque as revistas em revisteiros e não as deixe espalhadas pela casa toda. Os jornais, depois de serem lidos, podem ser descartados.

– Próximo à porta de entrada da casa, tenha um caixinha ou alguns ganchos para pendurar as chaves  (existem muitos decorativos). Na hora de sair, você terá tudo à mão.

– Sabe aqueles quadros perfurados? São perfeitos para pendurar suas bijouterias e acessórios, evitando que uma peça se enrosque na outra.

– Canos de PVC são ótimos organizadores de gaveta e servem para guardar roupas íntimas e meias.

– Ganhe espaço acomodando roupas de cama e banho embaixo da cama. Você pode utilizar caixas com tampa, para não entrar pó.

– Nos cantos de parede, que tal investir em cantoneiras? Você pode colocar livros, porta-retratos, um vaso com planta e, de quebra, decorar o ambiente.

E então, ficou com vontade de livrar-se da bagunça? Aproveite para usar a sua criatividade e fazer da sua casa um verdadeiro lar, aconchegante, aquele lugar gostoso que dá vontade de voltar todos os dias após o trabalho.

home-interiors-5-1234928-639x853

Homenagem às Mães

dancing-1312723-639x530
“Ensinarás a voar… Mas não voarão o teu voo.

Ensinarás a sonhar… Mas não sonharão o teu sonho.

Ensinarás a viver… Mas não viverão a tua vida.

Ensinarás a cantar… Mas não cantarão a tua canção.

Ensinarás a pensar… Mas não pensarão como tu.

Porém, saberás que cada vez que voem, sonhem, vivam, cantem e pensem… estará a semente do caminho ensinado e aprendido!”

Madre Teresa de Calcutá

 

Maio é o mês internacional de combate ao melanoma. Previna-se dessa doença.

IMGP1451

Durante todo o mês de maio a ONG Instituto Melanoma Brasil intensifica as suas campanhas para a conscientização do Melanoma, o tipo de câncer de pele mais agressivo que existe. Para quem não sabe, a pele é o maior órgão do corpo humano, por isso, é fundamental observar atentamente os sinais que aparecem na sua superfície (pintas, manchas, feridas) e imediatamente procurar um dermatologista. Diagnosticada em seu estágio inicial, as chances de cura da doença chegam a 90%.

Os números são alarmantes. Todos os anos são diagnosticados mais de 100 mil novos casos da doença no mundo. “Por falta de informação, as pessoas não se preocupam e muitas delas nem imaginam que o câncer de pele pode matar, principalmente o melanoma, pois tem grande capacidade de metástase”, explica Rebecca Montanheiro, presidente da ONG. No Brasil, segundo o INCA (Instituto Nacional do Câncer) em 2016, a estimativa de novos casos de melanoma foi de 5.670, sendo 3 mil em homens e 2.670 em mulheres.

Fique de olho em alguns sinais e sintomas que surgirem na pele:

– Manchas que coçam, ardem, escamam e sangram.
– Sinais ou pintas que mudam de cor e de tamanho.
– Feridas que não cicatrizam por mais de quatro semanas.
– Mudanças na textura da pele.

Para facilitar o reconhecimento da doença em seu estágio inicial, existe a regra do ABCDE: Assimetria, Borda, Cor, Diâmetro, e Evolução.
– Assimetria: imagine uma divisão no meio da pinta e verifique se os dois lados são iguais. Se apresentarem diferenças deve ser investigado.
– Bordas irregulares: verifique se a borda está irregular, serrilhada, não uniforme.
– Cor: verifique se há várias cores misturadas em uma mesma pinta ou mancha.
– Diâmetro: veja se a pinta ou mancha está crescendo progressivamente.
– Evolução: Modificação das características das pintas ao longo do tempo.

Confira na imagem:

pintas

Alguns fatores de risco devem ser considerados:
– Exposição solar: Pessoas que tomaram muito sol ao longo da vida sem proteção têm risco aumentado. Quanto mais queimaduras solares a pessoa sofreu, maior é o risco de desenvolver câncer de pele.
– Características da pele: pele clara, olhos claros, com cabelos loiros ou ruivos; pele que sempre se queima e nunca bronzeia quando exposta ao sol; pessoas com muitas pintas espalhadas pelo corpo.
– Histórico pessoal: quem já teve um câncer de pele ou lesão pré-cancerosa anteriormente, têm mais chances de desenvolver um novo melanoma.
– Histórico familiar: o melanoma é mais comum em pessoas que têm antecedentes familiares da doença.

A prevenção é essencial para se proteger a pele do melanoma. Atente para essas dicas:
– Faça o autoexame regular da pele, com a ajuda de um espelho, e observe se há qualquer alteração.
– Evite a exposição excessiva ao sol das 10h às 16h.
– Aplique diariamente o protetor solar. Use produtos com proteção contra radiação UVA e UVB e que tenha fator de proteção solar (FPS) 30. Faça aplicações a cada duas horas se estiver na piscina ou em atividades ao ar livre.
– Mantenha bebês e crianças protegidos do sol. Filtros solares podem ser usados a partir dos seis meses.
– Consuma alimentos saudáveis e ricos em vitaminas.

Para não ser pego de surpresa, consulte um dematologista, pelo menos uma vez por ano. Só assim é possível uma investigação mais completa da pele, evitando preocupações futuras.

Animais de estimação trazem alegria e saúde ao seu dono

friendship-1395814-639x944

Você já reparou que pessoas que têm animais de estimação costumam ser mais calmas, menos ansiosas e muito mais alegres no seu dia-a-dia? É fato que adotar um animalzinho, especialmente pessoas mais idosas, ganham um companheiro e assim, ameniza o sentimento de solidão, reduz o estresse, a ansiedade e previne a depressão. Os pets trazem leveza, deixando os seus donos mais carinhosos. Tem como não se alegrar ao chegar em casa e se deparar com o bichinho fazendo festa, abanando o rabinho e brincando com você só de ouvir a sua voz?

best-friends-1313399-640x480

Outros benefícios de se ter um pet em casa extrapolam o lado emocional. De acordo com pesquisas feitas pela Associação Americana de Saúde do Coração, o convívio com animais também reduz o risco de doenças cardíacas e promove a maior longevidade.

 
No caso dos cães, que precisam sair de casa, é mais uma motivação para o dono se exercitar, caminhar e conhecer novos lugares e pessoas, o que é muito saudável.

 
Ao se dispor a criar um animalzinho, é importante conhecer os devidos cuidados com o pet, como a alimentação, o lazer, o descanso, a higiene e programar as idas ao veterinário para as vacinações necessárias e outros eventuais procedimentos. Essa conduta traz um dinamismo na rotina, deixando o dia mais organizado.

 
A presença de um animal de estimação em casa também beneficia muito as pessoas hipertensas, isso porque o relacionamento entre eles pode provocar o aumento de serotonina e dopamina, relaxando e acalmando o organismo.

 
Pessoas com enfermidades mais sérias, como o câncer, por exemplo, reagem muito bem na interação com os animais. Alguns hospitais permitem a visita de cães em áreas de oncologia infantil, a fim de estimular o afeto e a alegria das crianças, suavizando o tratamento.

 

E uma curiosidade: sabiam que crianças criadas com gatos ao redor, desenvolvem imunidade a alérgenos na infância precoce? Estudos revelam que a incidência de problemas respiratórios (incluindo asma) é muito menor em crianças que convivem com gatos em seus primeiros anos. Além de reduzir alergias, esses mesmos estudos descobriram que os pequenos que se cercam de animais na infância, costumam desenvolver maior empatia pelos sentimentos dos outros e são capazes de se relacionar melhor com outras pessoas quando adultos.

Suzy

Se ainda não tem um animal de estimação em casa, que tal pensar na hipótese de adoção? Você vai ganhar um super companheiro e certamente se tornará uma pessoa muito mais feliz. Pense nisso!

Depressão em adultos pode estar relacionada à perda auditiva

sw_Listening_sa209430

Um estudo realizado por cientistas da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, concluiu que a melhora auditiva em adultos e idosos reduz os sintomas de depressão. A pesquisa analisou 113 pacientes, com idade média de 69 anos, constatando que no período de seis a 12 meses de uso de aparelhos auditivos, ou após intervenção cirúrgica para tratar surdez severa, essas pessoas apresentaram ganho considerável em sua saúde mental.

A dificuldade em escutar e interagir com os amigos e familiares, leva muitas vezes ao isolamento. O indivíduo deixa, aos poucos, de participar de reuniões sociais, perde o interesse por atividades em grupo e acaba desenvolvendo, em si próprio, um sentimento de inutilidade.

lonely-man-1460346-639x852

Faz sentido. Faça um teste com você mesmo. Tape os ouvidos e fique por alguns minutos numa situação onde rola um bate-papo descontraído, ou na platéia de uma palestra interessante, em um show musical, no teatro… e permita sentir as sensações de não compartilhar com o contexto, exatamente pela dificuldade de ouvir. Pode ser desesperador.

Por isso, aos perceber os primeiros sinais de que não está escutando bem, seja em você, ou em algum familiar ou amigo, não hesite em procurar rapidamente um Otorrinolaringologista, que fará uma investigação mais profunda para detectar o grau e o tipo de perda auditiva.

Diagnosticado o problema, um dos recursos é a indicação do aparelho auditivo. Em casos mais sérios, pode ser feita a cirurgia de implante de um dispositivo eletrônico no ouvido interno do paciente, a fim de minimizar a dificuldade de escutar e, consequentemente, restaurar a condição de participar e se relacionar em seu ambiente.

Enfrente o frio com o corpo em forma

file0001721203534

Nos dias mais frios, o corpo fica mais preguiçoso, a alimentação mais calórica e, de repente, você percebe que os quilinhos extras começam a aparecer.  Mas, com um pouco de disciplina, alguns ajustes no cardápio e a firme atitude de deixar de lado a preguiça, você consegue manter a linha. É só tentar.

 

Se tens o hábito de caminhar ao ar livre, de manhã ou no final do dia, quando a temperatura é mais fria, não permita que a inércia tome conta de você. Coloque um tênis, um agasalho e enfrente a temperatura lá fora. É só dar o primeiro passo. Logo você se sentirá confortável e, o principal, sem culpa de ter ficado dentro de casa, driblando a tentação de cair de boca em alguma guloseima ou mesmo estirado no sofá, sob o edredon.

 

Consumir saladas e vegetais também é algo que não apetece a muitos paladares durante o frio. Afinal, esses alimentos têm a cara do verão, não é mesmo? Nem tanto. Experimente saborear uma salada preparada com vários vegetais cozidos, bem colorida e nutritiva antes do prato principal. E de noite, opte por caldos ou cremes de legumes. Incremente com pedaços de carne e sirva com fatias de torradas. Você vai se sentir saciado, sem extrapolar.

file0002068527980-(1)

E atente para a hidratação. Mesmo sem sentir sede, lembre-se tomar água.  Alterne com chás quentes. Uma dica para deixar o chá mais gostoso é adicionar canela em pau ou fatias de gengibre à bebida. Esses ingredientes são termogênicos e ajudam a “queimar” gorduras, além de dar um toque especial de sabor.

apple-cinnamon-tea-1-1238792

Ficar em casa assistindo a um filme debaixo das cobertas, também é muito bom. O programa pede a tradicional pipoca, de preferência na versão light.

file0001496984376 - Cópia

Assim, com esse rigor no dia a dia, é possível dar aquela escapadinha no fim de semana e provar algumas delícias mais calóricas, como chocolates e doces, sem se penitenciar depois.

Feriado prolongado: se for viajar, leve na bagagem o inalador portátil

 

Minisonic+Bolsa

Você reparou que o calendário deste ano terá muitos feriados prolongados? Nos próximos dias, por exemplo, são 3 feriados muito próximos: Páscoa, Tiradentes e Dia do Trabalho. Há quem goste de pegar uma estrada, fazer alguma viagem curta… e agora, com o friozinho de outono chegando,  alguns cuidados são necessários para não comprometer o passeio. Quem sofre com alergias respiratórias conhece bem essa temporada de  gripes e resfriados, rinites, bronquite, asma  etc. Na maioria das vezes, a inalação é a solução mais rápida e eficiente para aliviar esse desconforto.

Na hora de fazer as malas, lembre-se de levar  o inalador portátil, que certamente vai ser muito útil para amenizar as crises respiratórias, sem o infortúnio de precisar correr para um Pronto Socorro, principalmente se for viajar com crianças ou pessoas idosas. A inalação promove a limpeza e a hidratação das vias respiratórias, eliminando secreções e levando a medicação até os brônquios com muita rapidez, trazendo alívio em até 10 minutos.

A Soniclear  fabrica vários tipos de inaladores- ultrassônicos e a jato de ar- com fortes atrativos de tecnologia e eficácia. O modelo Minisonic  é  perfeito para viagens: pequeno, silencioso e dispõe de um adaptador apropriado para funcionar ligado ao acendedor do carro. O aparelho é totalmente blindado e a pessoa pode fazer a inalação deitada ou sentada, sem o inconveniente de derrubar a medicação.

 

Minisonic--(menino)-baixa

Quer saber mais detalhes sobre o Minisonic, é só clicar aqui  http://bit.ly/1r2ZgcL

Os produtos Soniclear podem ser adquiridos nas grandes redes de farmácia, drogarias, lojas especializadas em produtos médicos e sites de compras.

 

Você sabe o que é Bruxismo?

Bruxismo

 

Você acorda pela manhã e percebe que está com as mandíbulas doloridas, com desconforto nos músculos da face, cansaço ao mastigar alimentos e, por vezes, dor de cabeça. Estes são alguns sintomas típicos do Bruxismo, o ato de ranger ou travar os dentes, muito comum durante o sono, mas também que pode ocorrer involuntariamente no decorrer do dia.

São inúmeras as causas do Bruxismo. Podem ter caráter emocional (tensão, estresse, ansiedade, preocupação, raiva, frustração) ou físico, desencadeado, por exemplo, por uma má oclusão – quando os dentes das arcadas superiores e inferiores estão mal alinhados.

Se não tratado em tempo, o Bruxismo vai desgastar os dentes, deixando-os achatados, com possíveis fraturas e soltos. O disturbio contribui para aumentar a sensibilidade dentária, aquela sensação dolorida ao respirar ar frio, ingerir alimentos frios ou quentes, doces, etc.

Por isso, ao observar esses sinais, consulte um dentista, a fim de evitar danos permanentes em sua dentição. As placas acrílicas, são um dos recursos muito utilizados para proteger os dentes e ajudar a reduzir o travamento. Elas são moldadas para serem encaixadas perfeitamente nos dentes superiores ou inferiores, ou para manter a mandíbula mais relaxada.

Para não agravar ainda mais o quadro de Bruxismo, adote algumas medidas paliativas:

– Evite mascar chicletes e comer alimentos duros (nozes, balas) e de difícil mastigação.
– Aplique gelo nos músculos das mandíbulas para aliviar a dor.
– Aprenda a fazer exercícios de alongamento na região da cabeça, incluindo nuca e pescoço. Esses movimentos amenizam as dores e promovem o relaxamento.
– Adquira o hábito de relaxar o rosto e os músculos das mandíbulas durante o dia. Ao perceber que está “apertando” os dentes, relaxe imediatamente.
E lembre-se de gerenciar o estresse e a ansiedade, com técnicas de relaxamento, meditação, exercícios físicos ou outras atividades prazerosas que atuem na melhoria de sua qualidade de vida.

Praticar para fazer melhor

Piano

Praticar, treinar, estudar… são atitudes assertivas de quem quer aprender algo novo, com garra e domínio. O que parece “impossível”, ou pelo menos, muito difícil ao iniciar qualquer empreendimento, com a repetição, esse cenário vai mudando a cada dia. É como se diz popularmente, “a ficha cai”, e o que parecia ser inatingível, torna-se realidade. E esse novo conhecimento adquirido, carrega consigo a enorme sensação de alegria e de bem-estar.

Que a prática leva à perfeição e a excelência, é fato. Em qualquer atividade (esportes, música, arte, educação, tecnologia etc.), quanto mais se dedica, melhor o desempenho. Porém, é preciso saber como praticar com eficiência, para não se perder no meio do caminho.

Se você quer aprender algo e desenvolver suas habilidades, cuide para evitar atitudes vilãs, que roubam o seu tempo e, consequentemente prejudicam a sua performance.

Por isso, lembre-se dessas orientações e vá em frente com o seu propósito:

– Coloque intenção no seu objetivo. Se quer aprender a tocar um instrumento, por exemplo, estabeleça um horário que lhe for conveniente e dedique-se exclusivamente ao estudo. Desligue tudo o que não for necessário naquele momento e foque especificamente nessa tarefa.

– Não tenha pressa em alcançar a perfeição. Na dança, por exemplo, os movimentos vão ganhando graça e leveza com a repetição. A cada aula, as características de coordenação, flexibilidade e consciência corporal vão aflorando e harmonizando-se com o ritmo escolhido. E depois, em casa, faça os movimentos, em frente ao espelho e vai notando a diferença dia após dia.

Balé

– Aprender um idioma estrangeiro, estudar um novo ponto da matéria dada na escola, também requer concentração. Escolha um lugar silencioso e livre de distrações para ler e fazer o dever de casa, sem ser importunado. Quando se sentir cansado, permita-se um intervalo, levante-se e tome um café, faça um alongamento. Assim, ao retornar você estará renovado e pronto para recomeçar.

estudar

E assim por diante, nos esportes, na gastronomia, nas artes plásticas…. O segredo é praticar. Não desista diante das primeiras dificuldades. Os erros são alavancas para o aprimoramento. Se os resultados esperados ainda estão aquém de suas expectativas, pratique mais e respeite o seu tempo de assimilação. Deixe fluir. E quando você menos perceber, você conseguiu!

arte

Prepare-se para viver o outono com saúde e bem-estar

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

A estação do outono é linda, com seus dias ensolarados, que aquecem do frio e deixam a paisagem exuberante. Mas é também um período em que predomina o ar mais seco, trazendo como consequência a proliferação de doenças, principalmente as que afetam o sistema respiratório (asma, bronquite, rinite, gripe, resfriado, tosse, infecção de garganta, sinusite), e às vezes conjuntivite e dor de ouvido.

Coloque em prática essas recomendações e aproveite o outono com disposição e saúde!

– Hidrate o corpo. Consuma bastante líquido, principalmente água.

glass-2-filling-with-water-1507886

– Fique longe de aglomerações e não permaneça muito tempo em lugares fechados, evitando assim eventuais contágios. É importante deixar as janelas abertas para que o ar circule.

window-1231372-640x480

– Habitue-se a usar álcool gel nas mãos, pois muitos objetos que temos contato no dia a dia podem estar contaminados.Tenha sempre em mãos um pequeno frasco no carro, na bolsa e no ambiente de trabalho.

hand-sanitizer-1416602-1280x960

– Alimente-se bem. Se estiver com o organismo frágil e com baixa imunidade, o corpo fica vulnerável a contaminações.

– Cuide da pele, que tende a ficar mais ressecada nessa estação do ano. Use diariamente cremes hidratantes específicos para o rosto e corpo e lembre-se de aplicar o protetor solar, mesmo em ambientes fechados.

Hand-care (1)

– Na hora do banho, opte pela água morna. Banhos muito quentes propiciam o ressecamento da pele.

– Preste atenção se os seus olhos estão secos e com coceira. Essa irritações podem indicar um quadro de conjuntivite, muito comum nessa época do ano. Procure orientação médica e use óculos escuros, para não ficar tão sensível à luminosidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

– Proteja os ouvidos do vento frio para evitar otite (dor de ouvido) e consulte um otorrinolaringologista para que ele prescreva a medicação correta. Não tome remédio por conta própria.

– Use umidificador para repor a umidade do ar quando o clima está seco Esses aparelhos repõem a umidade relativa do ar para os níveis ideais (de 45% a 65%. O mínimo aceitável é de 30%).

umidificador

 

Com esses cuidados simples, você vai curtir o outono com vitalidade e bem-estar.